Cana: Safra / Moagem

Conab divulga 3º levantamento da safra com moagem superior a estimada pela Unica


- novaCana.com - - 20 dez 2013 - 16:47 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53

No terceiro levantamento de safra de cana-de-açúcar, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) revisou para cima a estimativa de moagem de cana e a área de plantio da cultura para esta safra, além da previsão de produção de etanol. Segundo o órgão ligado ao Ministério da Agricultura, na temporada 2013/2014 serão moídas 659,85 milhões de toneladas de cana em todo o país, em uma área de 8,81 milhões de hectares. No levantamento anterior, as estimativas eram de 652,02 milhões de toneladas e 8,79 milhões de hectares, respectivamente.

O acréscimo na estimativa de moagem se deve à produção de cana da região centro-sul, que será de 602,27 milhões de toneladas, e não 594,1 milhões de toneladas como previsto anteriormente. O volume é 4,5 milhões de toneladas acima da estimativa da Unica, que projetou 589,6 milhões de toneladas para o Centro-Sul.

"Nesta safra as lavouras da região Centro-Sul tem recebido mais investimentos e tratos culturais", justifica o relatório. Para a região nordeste, a nova projeção é levemente inferior à de 57,92 milhões de toneladas do levantamento anterior: 57,58 milhões de toneladas. A redução ainda é consequência da seca.

Área

No que diz respeito à área, a nova projeção leva em conta um aumento no espaço dedicado à cultura em São Paulo, que será de 4,552 milhões de hectares ao invés de 4,515. No entanto, este crescimento é parcialmente compensando por uma diminuição nas lavouras de cana de Minas Gerais e do Paraná. No total, o acréscimo de área em relação à safra passada será de 325,8 mil hectares e não mais de 314 mil hectares.

A área de corte total no Brasil passou de 8,48 milhões para 8,81 milhões de hectares.

Segundo o documento, a produtividade também terá melhores resultados do que o previsto anteriormente, devido a boas condições climáticas, investimento na manutenção dos canaviais, renovação das lavouras e expansão. A estimativa é de que sejam colhidos 74.891 kg de cana por hectare.

O ATR, por outro lado, deve ser mais baixo do que o projetado anteriormente, ficando em 133 kg por tonelada de cana.

Açúcar e etanol

Para o etanol, a estimativa também foi revisada para cima, indo de 27,17 bilhões de litros para 27,66 bilhões de litros. Destes, 11,73 bilhões de litros serão de anidro, um pouco abaixo dos 12,02 bilhões de litros projetados no segundo levantamento, e 15,93 bilhões de litros de hidratado.

Já a produção de açúcar foi revisada para baixo, indo de 40,97 milhões de toneladas para 38,81 milhões de toneladas. Com a nova previsão, o aumento da produção em comparação com a safra 2012/2013 será de apenas 1,23%.

O levantamento detalhado está disponível aqui (.pdf).

Vivian Faria – novaCana.com

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail