PUBLICIDADE
renovacao renovacao
Cana: Safra / Moagem

Archer estima déficit de 42 milhões de toneladas de cana na safra 2014/15


NovaCana - 19 mar 2014 - 15:52

Para suprir o mercado externo e o consumo doméstico na safra 2014/15, o Brasil deveria produzir 38 milhões de toneladas de açúcar e 27 bilhões de litros de etanol, segundo estimativas que a Archer Consulting classifica como conservadoras. A questão é que para atender a esta demanda, a moagem de cana, somente no Centro-Sul, teria de alcançar 612 milhões de toneladas, um volume muito acima do previsto.

"Se considerarmos a estimativa média do mercado hoje para a safra 2014/2015, que é de 570 milhões de toneladas, estamos falando de um déficit de 42 milhões de toneladas de cana, de maneira bem conservadora", afirma o gestor de riscos da consultoria, Arnaldo Corrêa.

Para determinar os valores, a consultoria assume que a exportação brasileira de açúcar encerre a safra 2013/2014 em 26,7 milhões de toneladas. Com isso, prevê para 2014/15 uma exportação em queda de 2,5%, com o volume total de 26 milhões de toneladas de açúcar a serem enviadas ao mercado internacional. Às exportações, Corrêa acrescenta expectativa de consumo interno de açúcar no volume conservador de 12 milhões de toneladas. "Ou seja, o potencial de consumo de açúcar no Brasil, exportação e mercado interno, somam 38 milhões de toneladas", explica.

Para o etanol Corrêa considera que a exportações na safra 2014/2015 ficarão limitadas a 1,8 bilhão de litros, considerando que existem contratos de longo prazo. No mercado interno, apesar da crescente frota de veículos flex que abre um grande potencial de consumo para o álcool carburante, a estimativa é de modesto crescimento, com isso a Archer prevê o número total de consumo no Brasil em 27 bilhões de litros. A estimativa leva em conta um crescimento sobre números aproximados para essa safra atual, já que as vendas acumuladas de etanol no Centro-Sul, até janeiro deste ano (10 meses), apontam para 9,253 bilhões de litros de anidro e 12,487 bilhões de litros de etanol hidratado.

Ainda seguindo os números do especialista, "se assumirmos que a ATR média do Brasil (Centro-Sul e N/Nordeste) seja de 133 por tonelada de cana, a quantidade de cana a ser colhida no Centro-Sul tem que ser, no mínimo, de 612 milhões de toneladas", finaliza Corrêa.

novaCana.com
Com informações da Assessoria de Imprensa da Archer Consulting


PUBLICIDADE BASF_NOV_INTERNAS BASF_NOV_INTERNAS

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x