BASF
Cana: Safra / Moagem

Agroconsult atualiza projeção para 2018/19 e aponta fatores altistas e baixistas

Índices de vegetação estão menores do que na primavera-verão do ano passado e, com isso, moagem em 2018/19 é prevista em 585 milhões de toneladas de cana


novaCana.com - 14 dez 2017 - 10:39

Munida de imagens de satélite, a consultoria Agroconsult observa o desenvolvimento do índice vegetativo dos canaviais e utiliza esse fator como um dos elementos em seu cálculo de estimativas de safra.

Para a próxima temporada, segundo o sócio da consultoria, Fabio Meneghin, o modelo de índice vegetativo, combinado com outros fatores, assinala uma moagem de 585 milhões de toneladas.

Inicialmente, a Agroconsult chegou a projetar um potencial de 625 milhões de toneladas cana. A revisão foi feita após a realização de novas leituras de imagens de satélite no mês de setembro e outubro.

O que ainda pode trazer surpresa para o resultado da safra é o clima. Embora o El Niño já esteja descartado, há ainda a possibilidade de ocorrência do La Niña no próximo ano.

Leia mais:

- Fatores altistas e baixistas para a safra 2018/19
- Consultoria explica mudanças nas estimativas ao longo de 2017/18
- Como é realizada a análise do índice de vegetação
- O que dizem as imagens sobre a taxa de renovação dos canaviais
- Embora o El Niño já esteja descartado, ainda há a possibilidade do La Niña

exclusivo assinantes

O texto completo desta página
está disponível apenas aos assinantes do site

veja como é fácil e rápido assinar

ou