Cana: Meio ambiente

Usina de cana em Adamantina (SP) é multada em mais de R$ 360 mil por incêndio

Ocorrência ainda será apresentada via ofício à Delegacia da Polícia Civil por infringir o artigo 48 da lei federal 9.605/98, que trata sobre crimes ambientais


G1 - 06 jul 2020 - 07:16
Área de proteção ambiental e canaviais em três propriedades rurais foram atingidos pelo incêndio

A Polícia Militar Ambiental aplicou nesta sexta-feira (3) multas que totalizaram R$ 362.864,00 contra uma usina sucroenergética em decorrência de infrações ambientais relacionadas ao uso de fogo sem autorização em lavoura de cana-de-açúcar em três propriedades rurais em Adamantina (SP).

Segundo a polícia, o incêndio atingiu vegetação nativa em Área de Preservação Permanente (APP) e em área comum, em estágio inicial de regeneração, além da plantação de cana, o que resultou em sete autos de infrações ambientais em desfavor da empresa.

As sete multas foram aplicadas nos valores de R$ 127.490,00, R$ 112.460,00, R$ 68.050,00, R$ 39.675,00, R$ 8.005,50, R$ 4.875,00 e R$ 2.308,50.

Além disso, de acordo com a corporação, como o fogo atingiu Área de Preservação Permanente, a ocorrência ainda será apresentada via ofício à Delegacia da Polícia Civil por infringir o artigo 48 da lei federal 9.605/98, que trata sobre crimes ambientais.