Açúcar: Mercado

Fusão entre Cosan e ALL já leva ferrovia a reduzir carga de açúcar


- novaCana.com - - 25 abr 2014 - 08:00

A Cosan deve levar a fusão de Rumo e ALL para análise no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) nos próximos dias. Até que o órgão se posicione, as companhias devem seguir separadas, ainda que o negócio seja aprovado em assembleia de acionistas de ambas as empresas.

Com a união, a empresa resultante deverá transportar menos açúcar e mais outras commodities, que ofereçam frete mais vantajoso (por usarem maior trecho da malha ferroviária da ALL).

O Valor apurou que a redução no açúcar deve começar a ocorrer em breve, antes mesmo da decisão do Cade. O acordo, em discussão, faz parte da negociação das regras de transição para convivência das companhias, na tentativa de pacificar a disputa bilionária em torno do contrato firmado em 2009.

Atualmente, a ALL transporta mensalmente cerca de 250 mil toneladas de açúcar. Esse volume deve ser reduzido para 200 mil toneladas, ou até um pouco menos.

A definição da quantidade será negociada de maneira cordial entre as companhias, a despeito da decisão da Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT). O regulador determinou que a ALL transporte para a Rumo 550 mil toneladas por mês em abril e maio, 700 mil em junho e 750 mil de julho a dezembro (a ALL recorreu da decisão).

Esses volumes devem ser atendidos, na visão de pessoas envolvidas ouvidas pelo Valor, apenas caso a Rumo solicite à ALL. Mas deve prevalecer o que for acertado de comum acordo.

A combinação com a Rumo tem potencial de agregar cerca de R$ 700 milhões em lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) à ALL.

Deste valor, cerca de R$ 400 milhões devem vir justamente da desobrigação - pela natural extinção do contrato de 2009 - da companhia de carregar açúcar. O plano é dar preferência a commodities que ofereçam frete mais vantajoso, como soja, já que o do açúcar é baixo por estar próximo a Santos. A assembleia de acionistas da ALL, inicialmente prevista para dia 15 de maio, foi marcada para o dia 8.

Graziella Valenti

Tags: NovaCana