Açúcar: Mercado

Commodities - Açúcar: influência da seca


Valor Econômico - 06 mar 2014 - 08:01 - Última atualização em: 29 nov -1 - 20:53
graf-acucar-060314
O açúcar demerara iniciou o pregão de ontem em baixa na bolsa de Nova York, mas logo o temor com o clima no Brasil voltou a dominar as atenções e os preços subiram e alcançaram o maior patamar em quatro meses. Os papéis para julho fecharam a 18,36 centavos de dólar por libra-peso, com ganhos de 42 pontos.

O déficit hídrico em importantes regiões produtoras de cana do Centro-Sul brasileiro continua a preocupar o mercado. Os problemas no país, ainda que possam diminuir com as chuvas dos últimos dias, já afetaram as estimativas de produção da safra 2014/15. Contudo, a oferta global da commodity continua relativamente confortável.

No mercado doméstico, o indicador Cepea/Esalq para a saca de 50 quilos do açúcar cristal registrou alta de 0,56% e atingiu R$ 51,78.