Açúcar: Mercado

Açúcar bruto tem máxima de oito meses na ICE; março é negociado a 14,83 cents/libra


Reuters - 28 out 2020 - 07:07

Os contratos futuros do açúcar bruto negociados na ICE atingiram uma máxima de oito meses nesta terça-feira, chegando a superar a marca de 15 centavos de dólar, com o mercado ainda no aguardo do anúncio das políticas de exportação da Índia.

O contrato março do açúcar bruto fechou em alta de 0,06 centavo de dólar, ou 0,4%, a 14,83 centavos de dólar por libra-peso, após atingir uma máxima de oito meses durante a sessão, tocando a marca de 15,04 centavos.

Operadores projetam novas altas para o açúcar, apostando que, embora a Índia deva destinar 6 milhões de toneladas do adoçante para exportação, o subsídio para os embarques do país tende a ser menor.

preco acucar 281020

Dessa forma, os preços do açúcar terão de subir para fazer com que os operadores indianos exportem a commodity, em vez de vendê-la no próprio país.

O gerente comercial Abhishek Nanda, da refinaria Al Khaleej Sugar, de Dubai, disse que a paridade de exportação da Índia deverá dar uma direção para os preços no futuro.

Usinas do Centro-Sul do Brasil devem produzir 36 milhões de toneladas de açúcar em 2021/22, 5% a menos do que na atual temporada, disse a consultoria Datagro.

A produção de açúcar do centro-sul do Brasil somou 2,61 milhões de toneladas na primeira quinzena de outubro, alta de 36,52% na comparação anual, embora a moagem de cana tenha desacelerado no período, informou a União da Indústria da Cana-de-Açúcar (Unica).

O açúcar branco para dezembro avançou 0,90 dólar, ou 0,2%, para 397,50 dólares por tonelada.

Marcelo Teixeira e Maytaal Angel