PUBLICIDADE
ARMAC
Açúcar: Exportação

Copersucar vê preço do açúcar bruto na ICE entre 18 e 20 centavos nos próximos meses


Reuters - 22 jun 2022 - 07:41

A Copersucar, maior comerciante de açúcar do mundo, acredita que os contratos futuros do produto bruto na ICE serão negociados entre 18 e 20 centavos de dólar por libra-peso nos próximos meses, uma vez que as perspectivas globais de oferta e demanda continuarão favoráveis.

O presidente-executivo da Copersucar, Tomás Manzano, disse a repórteres que o ano fiscal global do açúcar 2022/23, que se estende de outubro a setembro, provavelmente terá um mercado equilibrado em termos de oferta e demanda após quatro anos de déficits.

Mas os estoques caíram, acrescentou o executivo, e as perspectivas para os preços devem permanecer positivas.

A Copersucar, que detém a maior comercializadora de açúcar do mundo, a Alvean, espera uma menor produção do adoçante no Brasil na atual temporada que começou em abril, pois projeta que o setor alocará menos cana-de-açúcar para produzir o produto, aumentando a destinação da matéria-prima para a produção de etanol.

Manzano disse que a empresa espera uma destinação de cana ao açúcar entre 41% e 43% nesta temporada, ante 45% na safra anterior, uma vez que a rentabilidade do etanol aumentou em relação à do açúcar neste ano.

O executivo não espera impactos na competitividade do preço do etanol nas bombas brasileiras em relação à gasolina em função das recentes mudanças nos impostos estaduais sobre os combustíveis, acreditando que a tributação cairá tanto para a gasolina quanto para o etanol.

Marcelo Teixeira


PUBLICIDADE BASF GIGA INTERNAS BASF GIGA INTERNAS

Acompanhe as notícias do setor

Assine nosso boletim

account_box
mail

PUBLICIDADE
STOLLER
x