Vallourec
Financeiro

São Martinho tem lucro líquido de R$ 58,547 milhões no 2º trimestre de 2018/19


Agência Estado - 07 nov 2018 - 08:11

O Grupo São Martinho reportou lucro líquido de R$ 58,547 milhões no segundo trimestre do ano-safra 2018/2019, encerrado em 30 de setembro. O resultado é 10,4% maior do que o registrado em igual período da temporada 2017/2018, de R$ 53,015 milhões.

Em seis meses de safra, o lucro líquido acumulado caiu 4,3%, para R$ 162,506 milhões. O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado da companhia sucroenergética recuou 19,1% na mesma comparação trimestral, para R$ 316,238 milhões. No semestre inicial de 2018/2019, o Ebitda ajustado recuou 17,2% ante os primeiros seis meses de 2017/2018, para R$ 717,628 milhões.

sao martinho 071118 financeiro

A receita líquida do Grupo São Martinho somou R$ 643,427 milhões no segundo trimestre da safra, recuo de 12,6%, e caiu 11,8% na comparação semestral, a R$ 1,415 bilhão. O lucro caixa alcançou R$ 58,547 milhões no segundo trimestre de 2018/2019, queda de 4,3%, e R$ 222,152 milhões no semestre, baixa de 44,1%.

sao martinho 071118 receita

Segundo o jornal Valor Econômico, esse resultado foi possível porque a São Martinho aproveitou dois momentos de alta dos preços: logo após a greve dos caminhoneiros, quando os preços do bicombustível dispararam, e em setembro, quando um aumento da demanda por etanol elevou os preços.

“Aproveitamos essa janela em Goiás e em São Paulo. Concentramos o volume quando a janela abriu, dado que conseguíamos carregar muito e rapidamente. Pouca gente conseguiu atender a essa demanda e tinham comboios desesperados para carregar combustível”, afirmou o CEO da companhia, Fábio Venturelli, ao Valor.

Dívida

A dívida líquida consolidada aumentou 25,5% entre o trimestre encerrado em junho e o que terminou em setembro de 2018, para R$ 3,091 bilhões. Com isso, a alavancagem do Grupo São Martinho, medida pela relação entre dívida líquida e Ebitda, cresceu de 1,26 vez para 1,72 vez, na mesma comparação. Em setembro de 2017 a alavancagem estava em 1,60 vez.

“O aumento refletiu principalmente um maior capital de giro utilizado no período (março a setembro de 2018), em decorrência do crescimento dos estoques de produtos finais, que serão revertidos em caixa até o final desta safra”, informou a companhia.

sao martinho 071118 divida

Dessa forma, segundo reportagem do Valor, a expectativa é de que a dívida caia até o fim do trimestre, conforme os produtos em estoque (60% do etanol desta safra) sejam vendidos. “O perfil da dívida está mais favorável, com um custo menor, e juros um pouco menores”, afirmou o diretor financeiro e de relações com investidores da companhia, Felipe Vicchiato.

sao martinho 071118 estoques

Ele explica que a companhia optou, nos últimos dois anos, por mecanismos de dívida mais baratos, como Créditos Recebíveis do Agronegócio (CRA). Ainda de acordo com entrevista concedida ao Valor, a redução dos juros na comparação com o ano passado também aliviou o peso dessas despesas no segundo trimestre.

Produção e vendas

A São Martinho relatou processamento de 18,429 milhões de toneladas de cana-de-açúcar até o final do segundo trimestre de 2018/2019. O volume foi 1,3% menor que o total de 18,672 milhões de toneladas moído em igual período de 2017/2018.

O mix de destino da cana para o etanol saiu de 50% para 64% entre os semestres e, consequentemente, o de açúcar caiu de 50% para 36%.

sao martinho 071118 producao

Dessa forma, a produção de açúcar ficou em 902 mil toneladas nos dois primeiros trimestres de 2018/2019, 25,7% abaixo do segundo semestre da safra passada. As vendas, por sua vez, foram de 417,8 milhões de toneladas, uma queda de 36,6% no volume que foi mais acentuada até mesmo que a redução de 18,5% no preço médio da commodity.

sao martinho 071118 acucar

 Já a oferta acumulada de etanol, de 983 milhões de litros, foi 29% superior na mesma base de comparação. Desse volume, 448,9 milhões de litros foram vendidos nos seis meses da safra, um crescimento de 32,8% que foi acompanhado por um aumento de 9,9% no preço médio.

sao martinho 071118 etanol

A produção de energia cogerada ficou em 649 mil MWh, 1% superior à do primeiro e segundo trimestres de 2017. Desse total, o volume contabilizado como vendido foi comercializado a um preço médio de R$ 243,9/MWh, uma elevação de 9,2% na comparação com os dois primeiros trimestres da safra 2017/18.

sao martinho 071118 cogeracao

O grupo já encerrou a moagem da atual safra nas usinas São Martinho, em Pradópolis (SP), e Santa Cruz, em Araraquara (SP), e informou que “até a data de hoje – divulgação dos resultados do 2T19 – duas usinas da Companhia, a Iracema (em Iracemápolis-SP) e a Boa Vista (em Quirinópolis-GO) ainda estavam em operação, motivo pelo qual ainda não temos os dados oficiais de encerramento de safra, o que deve ocorrer ao longo dos próximos dias”.

Para a próxima safra, o hedge de açúcar é de 299,99 milhões de toneladas, um volume 41,8% menor que as 515,09 milhões de toneladas da atual temporada.

sao martinho 071118 hedge

Com informações adicionais do Valor Econômico e do Grupo São Martinho; edição novaCana