Vallourec
Etanol: Importação

Exportação de etanol dos EUA para o Brasil caem para mínima em quase três anos


Reuters - 08 out 2018 - 07:10

As exportações de etanol de milho dos Estados Unidos para o Brasil afundaram em agosto para os mais baixos níveis em quase três anos, mostraram dados do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA) nesta sexta-feira.

A queda nas exportações dos EUA para o Brasil ocorre no momento em que o país está produzindo grandes volumes de etanol de cana, uma vez que os preços do açúcar estão baixos.

A redução nos embarques de etanol norte-americano para o Brasil, embora um pouco esperada, foi outro golpe para os produtores do biocombustível dos EUA, que sofrem com os preços baixos e um estoque quase recorde.

Apenas 4.395 galões (cerca de 105 barris ou 16,6 mil litros) de etanol dos EUA foram exportados para o Brasil, muito abaixo dos 24,5 milhões de galões (583,4 mil barris ou 92,7 milhões de litros) em igual mês do ano passado.

As importações mensais foram as menores desde que o Brasil não comprou o produto norte-americano em outubro de 2015. "Nós estávamos completamente esperando a grande queda para o Brasil. Isso pode ser um pouco menos do que esperávamos", disse Cooper.

As vendas de etanol brasileiro pelas unidades produtoras do centro-sul atingiram uma máxima histórica na segunda metade de agosto, disse anteriormente o grupo industrial brasileiro Unica.

No ano passado, o Brasil impôs uma tarifa sobre as exportações dos EUA, para os volumes que superaram 150 milhões de litros por trimestre.

A China, outro grande comprador mundial de biocombustível, aumentou tarifas existentes sobre as importações de etanol norte-americano como parte da disputa comercial entre Washington e Pequim, interrompendo os envios.

novaCana DATA (exclusivo assinantes)

Michael Hirtzer