Brasil importa volume recorde de etanol em março; preço médio teve redução anual de 16%

As importações de etanol seguem firmes no Brasil e caminham para valores recordes para o mês de abril. Nem mesmo a taxação de 20% sobre o etanol que ultrapassar o volume de 150 milhões de litros por trimestre freou a entrada do renovável no país.

As entradas de etanol importado no Brasil entre janeiro e março de 2018 chegaram ao segundo maior volume para o primeiro trimestre do ano, com 645,3 milhões de litros. Assim, nem mesmo a entrada em vigor da tarifa de 20% sobre as importações de etanol impediu o grande fluxo de entrada do renovável no Brasil.

A taxação sobre as importações, imposta em agosto do ano passado pela Câmara de Comércio Exterior (Camex), incide sobre as importações superiores a 150 milhões de litros por trimestre – volume que, de janeiro a março, foi ultrapassado em 495,32 milhões de litros.

Além disso, o volume de importação de 321,7 milhões de litros em março de 2018 é o maior da série histórica para o mês. Em 2017, as entradas do renovável foram de 295,83 milhões de litros, volume 8,75% menor do que nesse ano. Os dados são do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC).

Saiba mais:

- Redução no preço médio do etanol
- Valor monetário movimentado
- Participação do etanol dos Estados Unidos
- Perspectivas para as importações em 2018

O texto acima é apenas uma breve introdução. Para ver esta página completa clique aqui e assine.

exclusivo assinantes

O texto completo desta página
está disponível apenas aos assinantes do site

veja como é fácil e rápido assinar

Etanol e Cana direto em seu email

Antes de sair, cadastre-se para receber as principais notícias do setor
Obrigado, não quero ficar informado.
Esqueci minha senha close modal