Preço da gasolina no Brasil é alto em qualquer comparação internacional, diz Tombini

O preço da gasolina para o consumidor final no Brasil é alto em qualquer comparação internacional, disse o presidente do Banco Central (BC), Alexandre Tombini, em audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado. "O preço do litro da gasolina, em qualquer comparação internacional, mostra nosso preço na parte mais elevada", disse.

Na ata da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), divulgada na semana passada, o BC previu estabilidade no preço da gasolina, em 2012. Não há previsão para 2013. Tombini também considera alto os preços da energia no país, mas lembra que o governo adotou medidas para reduzir esses custos.

No último dia 4, o ministro da Fazenda, Guido Mantega, negou notícias de que governo teria aprovado reajuste de 10% no preço da gasolina. "Não haverá aumento, que eu saiba. A Petrobras não me informou nada. Como sou presidente do Conselho de Administração, se ela não me informar, não tem aumento", declarou.

Kelly Oliveira

Etanol e Cana direto em seu email

Antes de sair, cadastre-se para receber as principais notícias do setor
Obrigado, não quero ficar informado.
Esqueci minha senha close modal