O seleto grupo das 29 usinas brasileiras que enviam etanol para a Califórnia

Com a perspectiva cada vez mais evidente de que os EUA reduzirão o mercado obrigatório de etanol, o estado da Califórnia passa a ganhar ainda mais importância para as usinas brasileiras. Com regras diferentes, o estado é a menina dos olhos dos produtores brasileiros.

O cobiçado mercado é também um dos mais inacessíveis do mundo. O portal novaCana acessou a lista completa de usinas cadastradas na Califórnia e verificou que existem 113 unidades brasileiras que atendem ao Padrão de Combustíveis de Baixo Carbono da Califórnia (Low Carbon Fuel Standard – LCFS). No entanto, a maior parte delas está com cadastro pendente e nunca enviou etanol para o estado.

O seleto grupo de usinas sem pendências é muito menor. O estado que possui um dos maiores mercados do mundo para o etanol é aproveitado por somente 29 das 381 usinas do Brasil.

E mais:
- O seleto grupo de usinas brasileiras cadastradas na Califórnia [lista completa]
- Como funciona, em detalhes, o cadastro das usinas brasileiras na Califórnia
- Os grupos que dominam as exportações para o estado norte-americano
- Califórnia possui seis diferentes classificações para o etanol brasileiro

O texto acima é apenas uma breve introdução. Para ver esta página completa clique aqui e assine.

exclusivo assinantes

O texto completo desta página
está disponível apenas aos assinantes do site

veja como é fácil e rápido assinar

Etanol e Cana direto em seu email

Antes de sair, cadastre-se para receber as principais notícias do setor
Obrigado, não quero ficar informado.
Esqueci minha senha close modal